Benção ou Maldição?

"Os céus e a terra tomo hoje por testemunhas contra vós, de que te tenho proposto a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe pois a vida, para que vivas, tu e a tua descendência." - Dt 30:19

Em tempos de Copa do Mundo, vemos a empolgação de muitas pessoas ao torcer por um time de futebol, enquanto há outros que detestam futebol.  O fato, é que temos que reconhecer que nesse período, até quem não gosta muito de futebol, passa a torcer devido ao ambiente que contagia a maioria das pessoas praticamente em todo o mundo. Nesse período a atmosfera muda, muitos param suas atividades na hora do jogo, alguns estabelecimentos fecham, as pessoas pintam os rostos, vestem camisetas do seu time, enfim todos vibram nessa hora. Há pessoas que chegam a passar mal por tanta tensão e empolgação. Dependendo do resultado, é festa por muitos dias, ou choro e revolta por não ter valido a pena tamanho sacrifício.

Refletindo nessa passagem de Deuteronômio, podemos perceber que nesse versículo há uma torcida, uma vibração divina, para que escolhamos a vida e as consequências dessa escolha. Deus em sua infinita misericórdia nos coloca as duas opções aconselhando para que optemos pela escolha correta, pois nos adverte que a benção é para vida “tu e a tua descendência” e a outra maldição, certamente para a morte.

Parece fácil essa escolha quando analisamos de maneira subjetiva, pois ninguém em sã consciência escolheria a maldição. Mas ao buscarmos outras referências, onde alguns tiveram a possibilidade de fazer uma escolha, podemos ver que nem sempre optaram em fazer a escolha que Deus gostaria fizesse. Como exemplo, sito a história de Caim e Abel: “E aconteceu ao cabo de dias que Caim trouxe do fruto da terra uma oferta ao Senhor. E Abel também trouxe dos primogênitos das suas ovelhas, e da sua gordura; e atentou o Senhor para Abel e para a sua oferta. Mas para Caim e para a sua oferta não atentou. E irou-se Caim fortemente, e descaiu-lhe o semblante. E o Senhor disse a Caim: Por que te iraste? E por que descaiu o teu semblante? Se bem fizeres, não é certo que serás aceito? E se não fizeres bem, o pecado jaz à porta, e sobre ti será o seu desejo, mas sobre ele deves dominar.” Gênesis 4:3-7.

O Senhor diz a Abel que o pecado jaz à sua porta, e sobre ele será o seu desejo, cabendo a ele dominar e fazer a escolha certa, mas, Abel escolheu fazer a sua vontade e não a de Deus e matou o seu irmão, pecando contra Deus e toda a sua família.

Escolhe pois, a vida para que vivas, tú e a tua descendência! Todos os dias temos que fazer escolhas, principalmente as que podem nos levar a vida ou a morte e morte eterna. Escolher se devemos obedecer a Deus no caminhar Cristão, ou escolher se devemos ignorar o seu sacrifício e se deixar levar pelas tentações do pecado, ou ainda, escolher não fazer a vontade de Deus e satisfazer somente os desejos da carne.

Podemos imaginar, que há uma grande torcida no Céu, para que venhamos a tomar decisões corretas diante de Deus e que a cada escolha, deve ter gritos de júbilo com muita vibração quando escolhemos a opção certa, como um gol no último minuto da prorrogação.

Os homens que disputam a Copa do Mundo buscam o prêmio corruptível, mas nós buscamos o incorruptível, como está escrito:

     "Não sabeis vós que os que correm no estádio, todos, na verdade, correm, mas um só leva o prêmio? Correi de tal maneira que o alcanceis. E todo aquele que luta de tudo se abstém; eles o fazem para alcançar uma coroa corruptível; nós, porém, uma incorruptível. Pois eu assim corro, não como a coisa incerta; assim combato, não como batendo no ar. Antes subjugo o meu corpo, e o reduzo à servidão, para que, pregando aos outros, eu mesmo não venha de alguma maneira a ficar." - 1 Coríntios 9:24-27

"Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu trono; assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono." - Apocalipse 3:21 

"Quem vencer, herdará todas as coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu filho." - Apocalipse 21:7

Que o Senhor te abençoe e te encoraja a caminhar de maneira a dar muitas alegrias, honra, glória e louvor a Ele, em nome de Jesus Cristo!

Deixe seu comentário

Palavras

© 2018 Igreja Nova Vida do Guará